sexta-feira, 27 de junho de 2014

MAIS QUE SUFICIENTE
“Sendo, pois, Abrão da idade de noventa e nove anos, apareceu o Senhor a
Abrão e disse-lhe: Eu sou o Deus Todo-poderoso; anda em minha presença
e sê perfeito.”
GÊNESIS 17.1
No hebraico, idioma original desse versículo do Antigo Testamento, está escrito: “Eu sou El Shaddai”. Deus Se revelou a Israel por sete nomes, que revelavam a aliança
que estabelecera, e uma dessas designações foi El Shaddai, que literalmente significa o Deus que é mais do que suficiente, ou o Todo-suficiente. Você será fortalecido em sua fé, se pensar em Deus como Aquele que é mais do que suficiente!
Em todas os episódios narrados no Antigo Testamento, Deus Se revelou como El Shaddai – o Deus que é mais do que suficiente. Quando, por exemplo, Deus livrou os israelitas da escravidão no Egito, os soldados do Faraó foram ao encalço deles para prendê-los e levá-los de volta à escravidão. De um lado dos israelitas havia o deserto; do outro lado, montanhas. Diante deles, havia o mar Vermelho. Tudo indicava que estavam encurralados, mas confiaram em Deus, no Deus que é mais do que suficiente, e Ele dividiu o mar! Os abismos coalharam-se no coração do mar (Ex 15.8)! As águas foram paralisadas! Estancaram-se em montão de cada lado, como se houvesse um muro impedindo o escoamento, e Israel atravessou, andando até ao outro lado. Nosso Deus é mais do que suficiente!
(Kenneth E. Hagin, em “ALIMENTO DA FÉ”)

Nenhum comentário:

Postar um comentário