segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

157650565
 CILADA DAS COISAS VISÍVEIS
“Bem-aventurados os que não viram, e creram” Jo:20-29
Como é forte a cilada das coisas visíveis, e como é necessário que Deus nos conserve voltados para as invisíveis! Se Pedro vai andar sobre as águas, precisa andar; se vai nadar, precisa nadar; mas não pode fazer as duas coisas ao mesmo tempo. Se um pássaro vai voar, precisa afastar-se das cercas e árvores e confiar em suas asas. Mas se procurar conservar o chão ao seu alcance, seu vôo será bem precário.
Deus teve que levar Abraão ao limite de suas próprias forças; mostrando-lhe que em seu próprio corpo ele nada podia. Abraão precisou chegar a considerar seu corpo como amortecido, para depois esperar que Deus realizasse a obra toda; e quando tirou os olhos de si mesmo e confiou só em Deus, então ficou inteiramente persuadido de que, se Deus havia feito a ele a promessa, era também poderoso para cumpri-la.
É isso que Deus está nos ensinando,  muitas vezes Ele tem que afastar da nossa vida os resultados positivos, até que aprendamos a Nele confiar, sem o apoio das circunstâncias. Então, terá prazer em tornar a Sua Palavra bem real para nós por meio de fatos visíveis, assim como já nos é real por meio da fé.
(C. H. Spurgeon, em “DEUS NÃO MUDA”)

Nenhum comentário:

Postar um comentário