quinta-feira, 21 de março de 2013

QUAL A RESISTÊNCIA DA SUA FÉ?

Certifique-se de que o casco das suas convicções espirituais possa agüentar o estresse das colisões.
Os que construíram o Titanic deveriam ter sido assim. O transatlântico de luxo afundou porque os empreiteiros compraram rebites baratos e sofreram de mal planejamento. Os rebites mantém unidas as placas de aço. Substituíram os parafusos por outros de qualidade inferior que explodiram suas cabeças no impacto com o iceberg.
Qual a resistência dos parafusos da sua fé? Reforce-se com leituras bíblicas diárias, cultos regulares e comunhão sincera com Deus. “A coragem é o medo que já orou.”
“É necessário que tais coisas aconteçam”
Mc 24:6. Necessário é uma palavra bem-vinda que afirma que todos os eventos, até mesmo os mais violentos, estão sob o plano divino. Toda provação e apuro tem lugar no esquema de Deus. A razão pela qual não devemos nos apavorar diante dos nossos maiores problemas não é porque eles não são pavorosos. Justamente ao contrário. É porque sobre todo o caos reina um plano divino.
Todas as coisas, grandes ou pequenas, vêm do propósito de Deus e servem à Sua boa vontade. Quando tudo parece fora do controle, de fato, não está. Vamos confiar em nosso Pai da mesma maneira como Peter confiou em seu pai terreno.
Peter era um estudante universitário de 21 anos quando começou a sentir fortes dores no ombro. Ele ligou para seu pai pedindo conselhos. O pai de Peter, Michael, é um renomado cirurgião ortopédico especializado em ombro. Peter ao ligar para o Dr Wirth com um problema de ombro é o mesmo que a filha do Bill Gates ligando para ele com uma pergunta sobre o sistema operacional do seu computador.
Michael pediu para o filho ir ao hospital mais próximo fazer um ultrassom, pois, pelos sintomas relatados pelo filho, ele temia que houvesse um coágulo naquela região. O diagnóstico do experiente doutor foi confirmado, havia um coágulo perigosamente próximo ao coração. Michael não estava somente familiarizado com a situação, ele tinha sido um dos autores do artigo sobre como tratar de um caso desta natureza. Peter foi imediatamente internado e o coágulo foi dissolvido com sucesso.
Não seria maravilhoso ter um pai assim?
Nós temos!!!
(Max Lucado, em “SEM MEDO DE VIVER”)

Nenhum comentário:

Postar um comentário