terça-feira, 16 de abril de 2013

EU QUERO MAIS! Foto: Roadtrip- 044 Matthias Clamer
“Pedireis o que quiserdes, e vos será feito. Nisto é glorificado meu Pai, em que deis muito fruto; e assim vos tornareis meus discípulos.” Jo 15:7:8
Imagine que o dedo de Deus desliza pela lista telefônica do céu. Ele começa pelo A, linha após linha, coluna após coluna, Ele está procurando um nome que se destaca entre todos os seus queridos e remidos. E onde o dedo divino hesita e pára?
Olhe atentamente. Parou onde está seu nome.
Por que creio nisso? Porque você avaliou sua vida um dia, talvez nem tanto tempo atrás, e disse: “Eu quero mais, SENHOR. Eu quero mais de Ti porque quero fazer mais para Ti”.
A segunda parte da oração de Jabez é o clamor de alguém que sabe que Deus nos fez com potencial para fazer mais, conquistar mais e sonhar mais. Ele examina suas atuais circunstâncias e toma uma decisão: “Eu nasci para mais do que isso”. E ora: “Por favor, ó Deus, alarga meu território!”. Em termos relacionados com a vida, “território” significa os limites de sua influência, domínio ou responsabilidade.
Acho que podemos concluir com segurança que Jabez não estava apenas pensando em crescer por amor ao crescimento, ou em mais espaço à custa de outra pessoa, ou na promessa de dinheiro fácil. Por quê? Porque a Bíblia o chama de “mais ilustre”. Para merecer um elogio desses, o pedido e as motivações de Jabez deveriam estar em harmonia com os propósitos de Deus.
Você consegue imaginar o dono de armazém se aborrecendo se um funcionário dissesse: “Senhor, eu gostaria de fazer mais para transformar este lugar em algo realmente agradável ao senhor”? Você poderia imaginar uma mãe ficando irritada com o filho que pergunta: “O que posso fazer para ajudá-la, mamãe?” Da mesma forma, quando você pede a Deus oportunidades maiores, Ele responde com deleite e favor.
Pergunte-se: Estou pedindo a Deus mais para poder fazer mais para Ele?
Deus está aguardando que cada um de nós tenha uma visão maior da vida — a visão que se harmonize com a Dele — e que lhe rogue para que ela se realize. Para sermos mais frutíferos para Deus, precisamos de mais oportunidades. Precisamos ver as oportunidades que já nos rodeiam e que constantemente não percebemos.
Não importa com que freqüência peçamos a Deus por esse tipo de “mais”, podemos ter certeza de que Ele ouve nossos pedidos com aprovação e planos de favor generoso.
(Bruce Wilkinson, em “A ORAÇÃO DE JABEZ – DEVOCIONAL”)

Nenhum comentário:

Postar um comentário