quinta-feira, 27 de junho de 2013

EMOÇÕES PARALISANTES

Nas lutas…durante o enfrentamento de qualquer adversidade…. nas guerras que travamos, é preciso em primeiro lugar, a presença de DEUS. Invoca-Lo para liderar em nosso lugar, declarar que Ele é o Senhor da situação.
Depois desse primeiro e decisivo passo, é preciso que você tome mais duas importantes atitudes:
Adormeça as emoções – coloque “no canto” do teu coração a saudade, o medo, a ansiedade, a raiva….seja quais forem as emoções que maltratam você durante tuas lutas, paralise-as! Não permita que elas te atordoem. Durante as lutas, as emoções tomam espaço da fé dentro de nós. Elas sufocam a fé.
Segunda atitude: Não se deixe influenciar pelo que você vê. Lembre-se que existem duas realidades, a que nós enxergamos e aquela que não vemos, este é o mundo espiritual, é ele que vale, é nele que as maravilhas acontecem, é nesta dimensão que a verdadeira batalha é travada. Considere as circunstâncias, mas, para repreendê-las. Profetize sobre elas a vontade de DEUS. Declare cura. Declare vitórias. Declare transformação.
Não perca tempo e não gaste energia se deixando consumir pelas emoções.Ore….louve….profetize! Somos colaboradores de Deus nessa terra, a oração é também o canal onde liberamos a vontade de Deus e o poder de Deus sobre as circunstâncias.
ACREDITE que a realização dos teus desejos e sonhos estão se formando no mundo espiritual. Acredite que a cura que você espera está sendo tecida no mundo espiritual. Creia que a transformação das circunstâncias adversas estão ocorrendo na esfera espiritual.
Comece agora a olhar pra cima, não olhe pra baixo!
Não deixe as situações te derrotarem, não seja dominado pelas emoções; em vez de sentir medo, raiva, ansiedade, ou qualquer outra emoção paralisante, arme-se com a FÉ e ore. Olhe a situação de frente e as ataque com sua FÉ – “Profetiza sobre estes ossos, e dize-lhes: Ossos secos, ouvi a palavra do SENHOR….” Ez 37:12
(Neuma Fernandes)

Nenhum comentário:

Postar um comentário