domingo, 28 de outubro de 2012

TESTES DE PACIÊNCIA

“Então DEUS se lembrou de Noé e de todos os animais que estavam com ele na barca.” Gn 8:1
O dilúvio acabou. A palavra de DEUS se cumpriu – “morreu tudo que havia” com excesão de Nóe, este homem que andava com DEUS e que fizera tudo segundo o SENHOR lhe ordenara. DEUS “se lembrou” de Noé e dos que estavam com ele na arca e ordenou aos poderes da natureza que cessassem. Mas, entre a hora em que a arca repousou na montanha do Ararate, até a hora em que Noé põe o pé em terra, ainda demorou um bom tempo.
Noé passa por mais um teste de paciência, de espera, até que venha a ordem de DEUS para deixar a arca.Sem poder ver o que acontece ao seu redor, chegou a hora de se informar a respeito da situação lá fora. Depois de três tentativas, ele se certifica que a terra está novamente habitável.
Interessante notar que Noé, em todo o acontecimento do dilúvio, permanece sem falar. A pessoa que DEUS  guarda também sabe aguardar o tempo de DEUS em confiança e paciência. O relato bíblico mostra a disciplina de Noé em esperar pacientemente o tempo de DEUS.
Não se esqueça, porém, que Noé viveu todo este drama sem saber qual seria o final. Tinha apenas a palavra do SENHOR. Nossa situação pode ser semelhante, por vezes não compreendemos o caminho do SENHOR, porém, em obediência e na confiança na palavra DELE, podemos prosseguir sabendo que mais tarde, olhando para a história da nossa vida, compreenderemos a razão de DEUS nos ter conduzido desta forma. Este é um desafio de fé.
(Devocional Orando em Família.)

Nenhum comentário:

Postar um comentário