segunda-feira, 10 de dezembro de 2012


 NÃO SE ENGANE!
Não sugiro que devemos seguir apenas as circunstâncias no tocante a compreender a vontade de Deus em nossas vidas. Também devemos levar em consideração a paz e a sabedoria (não a do mundo, a de Deus, obviamente), que são as principais formas de ouvir a voz de Deus.
Seguir apenas as circunstâncias pode definitivamente nos levar a ter problemas. Satanás pode promover circunstâncias, assim como Deus, porque ele tem acesso a esta esfera natural. Portanto se seguirmos somente as circunstâncias sem levarmos em consideração as outras formas de ouvir Deus, isto pode nos levar ao engano.
Sabemos que não podemos ir contra a Palavra de Deus. Devemos ser guiados pela paz interior e andar em sabedoria. É fácil fazer uma “verificação interna” para testarmos o termômetro da paz em nosso coração., antes de confiarmos nas circunstâncias ou em nossas deduções carnais, ou em nossas emoções, para compreender o que o Senhor quer que façamos.
A maneira mais segura de ouvirmos Deus é combinar os métodos bíblicos e sermos guiados pelo Espírito Santo, permitindo que eles funcionem de uma forma de verificação entre si.
É fácil sermos enganados por nós mesmos, por nossas convicções carnais, por nossas vontades obstinadas. Deus diz na Sua Palavra: “Pois os Meus pensamentos não são os pensamentos de vocês, nem os seus caminhos são os Meus caminhos” Is 55:8. Devíamos agradecer a Deus porque os Seus caminhos não são os nossos. Minha vida teria acabado mal se Deus tivesse feito as coisas do meu jeito em muitas situações. É sábio orarmos: “Seja feita a Tua vontade, Senhor, e não a minha”. Muitas vezes digo ao Senhor o que eu gostaria de ter, mas completo a frase com; “No entanto,  se Tu sabes que isto não é bom para mim, por favor, não me dês.”
Os pensamentos de Deus estão acima dos nossos pensamentos. Ele vê o fim a partir do princípio. Todos os Seus caminhos são retos e seguros. Na esfera natural, podemos achar que alguma coisa faz sentido, mas pode não ser o que Deus quer, definitivamente. Você e eu podemos ouvir com precisão a voz de Deus; tudo que precisamos fazer é aplicar as diretrizes da Sua Palavra, e assim não seremos enganados.
(Joyce Meyer, em “COMO OUVIR A VOZ DE DEUS”)

Nenhum comentário:

Postar um comentário